Momentos de Sábado

rebuçado ácidorebuçado ácido

Há semanas que realmente nos testam, levam ao limite e parecem que nunca vão chegar ao fim e quando finalmente chegam, fica a ressaca. E foi assim, de ressaca, que eu acordei no sábado. Mas mesmo cansada estava aliviada por finalmente ser fim-de-semana e poder enfim estar em família, sem grandes obrigações e deadlines.

Este sábado era um dia especial para os meus filhos. Tinhamos sido convidados por uma das suas pessoas favoritas no mundo, a TIA, para ir almoçar na sua casa nova. O Vicente estava tão empolgado com este “evento” que até custou um tempo extra a adormecer na sexta à noite. E foi mesmo um grande evento para eles, estavam mesmo contentes. Almoçamos, lanchamos e passamos um bom tempo a emoldurar desenhos dos dois para decorar a cozinha da tia. Às tantas os adultos já atordoados com tamanha alegria e gritaria, decidiram que era hora de irmos dar uma volta e lá fomos, sob um sol cinzento e uma chuva fina que depois foi substituida pelo sol e um belo arco-íris.

rebuçado ácidorebuçado ácidorebuçado ácidorebuçado ácidorebuçado ácidorebuçado ácidorebuçado ácidorebuçado ácidorebuçado ácidorebuçado ácidorebuçado ácidorebuçado ácidorebuçado ácidorebuçado ácidorebuçado ácido20140927-DSC_304920140927-DSC_307220140927-DSC_311320140927-DSC_311920140927-DSC_314520140927-DSC_314720140927-DSC_316120140927-DSC_316220140927-DSC_317020140927-DSC_320420140927-DSC_320920140927-DSC_321120140927-DSC_3206

Infelizmente fico devendo imagens do arco-íris. Não sei se pelo cansaço ou por amadorismo mesmo consegui falhar imenso nos settings da máquina e perdi imensas imagens. Mas tudo bem, fica para próxima.

E assim começo a segunda, ainda cansada, mas bem disposta e cheia de intenções para esta semana aqui no blog! Quem me acompanha?

*

Para este post a Alice veste: Navy Natalie Swing Top Boy+Girl, calções Beau Loves e sandálias Melissa. E, o Vicente tem look completo Loja Dada: T-shirt Quinn + Fox e calças Popupshop. Os tênis são 10 IS.

Monsanto

20140907-DSC_2085

Depois de uma merecida e rara (para não dizer raríssima) sesta de domingo, decidimos fugir do caos da população de bebés, bonecos e papéis por todo lado e dar um passeio diferente, para longe, porque sem sair do bairro não seria propriamente uma fuga, certo? Após alguma indecisão fomos parar a Monsanto, o parque das mil e uma opções, cheio de caminhos que sempre me dão a sensação de estar completamente perdida. As crianças não iam lá muito convencidas, antes tivessemos ficado no bairro, pensavam elas, mais próximos de casa e do que lhes é familiar. Mas isto não durou muito, bastou sair do carro. O Vicente percebeu logo que aquele não era um simples parque, mas sim uma “floresta” e partiu solitário em busca de um rio que ele afirmava estar algures por ali. A Alice que adora os animais mas só ao longe ou nos livros, seguiu sempre de colo em colo, amedrontada com os cães das mais diversas raças que passeavam por ali sem nem sequer notar a sua presença.

20140907-DSC_209220140907-DSC_206220140907-DSC_205320140907-DSC_2108 20140907-DSC_201720140907-DSC_2116 20140907-DSC_203020140907-DSC_2070 20140907-DSC_214820140907-DSC_2137 20140907-DSC_2150 20140907-DSC_2156 20140907-DSC_216120140907-DSC_2126 20140907-DSC_2182 20140907-DSC_2185 20140907-DSC_2198

A certa altura encontraram no meio daquela vegetação toda um simples caracol, que estiveram diversos minutos a analisar até colocá-lo no bolso!

20140907-DSC_2200 20140907-DSC_2208 20140907-DSC_221420140907-DSC_2174 20140907-DSC_222420140907-DSC_2166 20140907-DSC_2249 20140907-DSC_2282 20140907-DSC_2305 20140907-DSC_2331 20140907-DSC_236420140907-DSC_2309

Sempre que estou ali me pergunto porque quase nunca lá vamos, porque preferimos outros parques enquanto podemos estar no lugar mais perfumado de Lisboa (alguém discorda?), com tanto espaço para correr livremente e com uma vista que nos permite observar com distanciamento o caos da cidade ali ao lado. Sinceramente, me apetecia voltar lá agora só pelo aroma dos eucaliptos, tão bom.

*

Neste post a Alice e o Vicente vestem as super lindas, macias e confortáveis roupas boy+girl. A: grey dot natalie swing top e light wash rachel denim. V: red stripe reversible henley e grey dots fleece chino.

Ericeira

20140524-DSC_779420140524-DSC_7789 20140524-DSC_7801 20140524-DSC_7813 20140524-DSC_7815 20140524-DSC_7817 20140524-DSC_7820 20140524-DSC_7825 20140524-DSC_7827 20140524-DSC_7829 20140524-DSC_7831 20140524-DSC_7835 20140524-DSC_7836 20140524-DSC_7839 20140524-DSC_7840

Mais uma semana que acaba, menos uma semana para as nossas férias! Férias que tanto preciso e anseio. Mas enquanto elas não chegam continuo a partilhar os nossos passeios e coisas que gosto, muito embora os posts já não sejam tão diários como antigamente..

Este passeio surgiu de última hora, o pai foi trabalhar e nós fomos com ele. E nem algumas birras e o vento frio perturbaram muito porque a vontade de sentir o cheirinho do mar e por os pés na areia era muito grande.

Dia bom

20140501-DSC_683620140501-DSC_684020140501-DSC_684220140501-DSC_681120140501-DSC_6798

Sabem aqueles dias que quando terminam deixam uma sensação boa? Me refiro a uma sensação de bem-estar e satisfação, revigorante até, como se nos sentissemos mais plenos e de bem connosco. O meu primeiro de Maio foi um dia assim. Eu não fiz grandes planos para este dia, a minha única intenção era passear com os meus filhos e rever amigos. Super simples.

20140501-DSC_680120140501-DSC_6794 20140501-DSC_679520140501-DSC_6824 20140501-DSC_6831 20140501-DSC_687020140501-DSC_6878 20140501-DSC_6858 20140501-DSC_6901

O meu ideal de um dia bom é começar com uma dose extra de preguiça, sendo permitido estar na cama com os meus filhos até um pouco mais tarde. Sair de casa demora o triplo do tempo porque simplesmente não temos pressa e eu me dou o direito de ser pouco objetiva porque, sendo bem honesta, objetividade não é mesmo o meu forte. Mas o melhor dos dias bons é poder escolher para onde vamos e com quem queremos estar. Durante a semana não temos sempre esta opção e às vezes não a temos nos fins-de-semana também. Mas neste nosso primeiro de Maio nós escolhemos apanhar o elétrico e subir as ladeiras de Alfama para encontrar amigos. O tempo estava perfeito, o sol brilhava muito mas havia uma certa brisa. Os meus filhos estavam tão contentes de estarem na compania da amiga preferida e portaram-se super bem. E eu consegui relaxar, descontrair e desfrutar estas horas, sem pensar em mais nada a não ser naquele presente momento. E foi a caminho de casa, depois do passeio, das brincadeiras no parque, do gelado, da visita a casa dos amigos, que eu senti-me de bem com a vida e mais leve. Definitivamente, os dias bons são fundamentais para a nossa saúde mental.

Sábado, depois da chuva

20140405-DSC_535920140405-DSC_5341 20140405-DSC_5404 20140405-DSC_5347 20140405-DSC_5352 20140405-DSC_5365 20140405-DSC_537320140405-DSC_5459 20140405-DSC_5387 20140405-DSC_5394 20140405-DSC_5396 20140405-DSC_5410 20140405-DSC_5423 20140405-DSC_5428 20140405-DSC_5429 20140405-DSC_5431

Alguns momentos do nosso fim-de-tarde no sábado. Poderíamos ter ficado em casa mas o sol nos chamou para a rua e lá fomos, munidos de um pacote de bolachas. Eles queriam fazer o trajeto habitual para o parque mas eu os convenci a irmos para o lado oposto e nos aventurar por outras ruas, ruas que estranhamente não conhecíamos ainda. As fotos mostram que no início eles só queriam era comer bolachas, depois lá se interessaram por descobrir os caminhos e as rampas pelo caminho e no final enquanto o Vicente pedia para ir para o parque, a Alice resolveu se deitar no passeio, uma forma criativa de implorar por colo!

*

O início da semana é sempre um pouco difícil para mim, tenho sempre a sensação que o fim-de-semana passou num estalar de dedos e que poderíamos ter passeado mais, brincado mais. Mas se, no final das contas, o sentido do fim-de-semana é estarmos juntos, em família, isso nós fizemos na perfeição.

Boa semana!